Sábado, 15 de Março de 2008

souselalentejo (DESABAFOS)

Apeteceu-me simplesmente escrever. Escrever o que á minha mente surgisse sem que me preocupasse com uma temática exclusiva. Há momentos assim. Momentos em que podemos fazer dos nossos tempos livres aquilo que mais gostamos de fazer. Escrever, é talvez um dos meus passatempos preferidos. Momentos em que estando só, imagino um rodopiar de um mundo em constante mudança, cujos intervenientes cada vês mais, são os principais personagens, nós próprios. A luta desenfreada do dia a dia, o corre corre intenso e desmedido, as preocupações constantes sobre tudo o que nos envolve. “É a vida”, expressão ouvida por quem mais tempo tem de vida, cuja mesma se encarregou de lhe oferecer as faces enrugadas, a pele queimada pelo vento, pelo sol, ou pela chuva. 

Imagino os tempos já passados, o tempo em que o dizer um simples Bom dia, boa tarde e boa noite definia em cada pessoa e em cada família a certeza de uma boa educação. A humildade era quase a obrigatoriedade surgida mesmo sem que se aprendesse nada sobre a mesma. Surgia quase de um nada, um nada, fruto das intensas repreensões dos nossos pais ou avós. Por vezes bastava um simples olhar. Um olhar que dizia tudo. Um olhar transformado em palavras que repreendiam. Um olhar que simplesmente nos dizia como nos comportar. Era assim o tempo em que o próprio tempo, se encarregou de se fazer esquecer tudo o que demais aprendemos um dia. Era um mundo de constante observação e aprendizagem sobre aqueles que eram os seus aprendizes. Nós próprios. A honra acima de tudo e o tudo era a boa conduta de comportamentos, de saber estar no momento certo e hora certa , saber falar na hora certa e momento certo, saber o que fazer  no momento certo e hora certa. Era assim um dia. A amizade, Solidariedade, compaixão, compreensão, ajuda ao próximo era quase lei.

Tempos que passam, que levados pelo vento voam como que se de uma simples folhagem de arvoredo se tratasse em dias de tempestade voando e levando consigo tudo o que aprendemos.

Mas um dia chegou que por mais que o queiramos mudar, jamais o poderemos fazer, face aos novos tempos de constantes lutas e mudanças ao qual para elas, não houve ninguém que nos ensinasse  como fazer sem que esquecesse-mos o que atrás foi dito. A nossa educação. Falo obviamente da minha geração, aquela que hoje tem família, que hoje tem filhos e que hoje tem a responsabilidade que outrora víamos nos nossos pais, e que hoje revemos em nós. Contudo tudo o que aprendemos, tudo o que nos ensinaram, tudo o que nos impuseram como conduta comportamental é tudo menos aquilo que hoje aplicamos como educadores àqueles que hoje são os homens do amanhã, àqueles que amanhã serão os homens das decisões, das condutas comportamentais e das obrigações morais. Questiono-me seriamente sobre tudo isto, questiono-me sobre qual o melhor método para educar-se uma criança, pois eu não sei. Exemplifico com o que hoje se passa em termos sociais. Uma criança, com educação, que diz o seu bom dia, boa tarde ou boa noite, que tenta por todas as formas saber estar, saber o momento certo para intervir, saber calar-se perante as repreensões de adultos, é aquela que nos dias que correm, é marginalizada pelos colegas é aquela que não se integra na sociedade que temos. Todas as crianças que á mínima repreensão de um adulto, sabe responder, sabe contradizer, sabe ripostar, essa sim, é a criança considerada a  inteligente, que tudo sabe, que tem os pés bem assentes na terra e que em termos sociais não é tão marginalizada como a primeira que exemplifiquei. Pois a primeira é considerada acanhada e tímida, a segunda é inteligente e esperta. Talvez não me faça entender convenientemente pois a escrita tem a eterna problemática da interpretação que cada um de nós queremos fazer dela. Tem a eterna problemática de uns saberem ler e interpretar como a querem interpretar, e outros que também sabem ler, quererem interpreta-la como o autor a interpreta. Também existe esse problema na legislação. As interpretações das leis variam consoante o que se lê  ou o que se quer ler. Basta uma vírgula para mudar tudo. Contudo estou certo que mesmo mal interpretado ou não, fica o apontamento de que este é um artigo que nos interioriza a todos e certamente poderá ou não, dependendo da interpretação que lhe queiramos dar, fazem-nos reflectir e que a cada um de nós, nos apontará serias interrogações sobre o caminho que devemos, podemos ou simplesmente não sabemos dar e ensinar aos  homens e mulheres  que nos garantirão o futuro do amanha. Estaremos no caminho certo? Não sei, tenho sérias duvidas que este seja o melhor caminho mas, á falta de outro, este é um deles…                                                                        

Carlos Gil   

                                                                                              

 


PUBLICADO POR: carlosgil às 19:25
LINK DO POST | COMENTAR | Adicionar aos favoritos
20 comentários:
De carlosgil a 17 de Abril de 2008 às 11:42
Um recado para alguém que assina por EL-DOURADO.
1-Não coloco comentários nem seus nem de ninguém de índole pessoal em termos políticos.
2- V. Exa. é mentirosa e sabe porquê? Porque peço-lhe para correr este Blog de alto a baixo para que me diga aonde é que eu falo mal do Sr. Presidente da Câmara. Pelo contrário e pergunto quem fala mal do Sr. Presidente da Câmara não serão aqueles que dentro do seu partido querem o lugar dele?. O que eu falo e contesto são opções politicas de ordem técnica que eu e todos nós temos o direito de comentar, PORQUE SOMOS CIDADÃOS E MUNÍCIPES.
3- Vá prestando atenção e veja bem quem é que quer taxo, se sou eu, ou se são aqueles que dentro do seu partido vão contestando o Sr. Presidente.
4- V. Exa. quer saber se me aliei a este ou àquele partido? Parece que V. Exa. está muito Preocupada comigo, pois não esteja se V. Exa. diz que afinal eu não sou nada, também não sei aonde é que eu poderia fazer mal ao seu partido.
5- Volto a dizer mais uma vez que nada tenho contra o presidente da Câmara, nem contra ninguém. Tenho sim contra si que está constantemente a ironizar, Primeiro com a misturada que fez entre uma Associação e politica, depois passou para o campo pessoal e agora é só politica, provando com isso que lhe falta muita coisa que diz que eu não tenho
6-Quer que lhe diga uma coisa? Se quer politica saloia aquela a que V. Exa. está habituada a ter, comente no outro Blog, não aquele que já foi apagado por ordem judicial , mas aquele que V. Exa. Gosta, ou vá até ao sitio da Internet do PSD, E DIGA O QUE MAIS LHE CONVIER.
Agradeço-lhe ter estado no dia de ontem desde as 23:52:24 às 00:51:49 horas , ou seja cerca de 2 horas , visualizando por 30 vezes as paginas deste Blog, e comentando por 6 vezes.
Sem mais:
Carlos Gil


De carlosgil a 17 de Abril de 2008 às 13:45
Mais um recado para o el dourado:
el dourado:
Agora Chamas-te el dourado?
Esta é a tua forma de estar na vida? Ameaçar? Pois ficas a saber que ameaças também dão processos em tribunal. Pois olha que mascarado ou não , o teu IP, está identificado. Mais te digo, não precisas de pesquisar na pagina SAPO por ( carlos gil alentejo) para entrar neste blog. Dou-te o endereço correcto para que entres e continues a ameaçar até que alguém ou a policia te bata á porta . Covarde que nem o nome pões. Mas ponho eu o teu nome aqui neste blog para que todos saibam a bela coisa que és, covarde. ( http://souselalentejo.blogs.sapo.pt )
Gil


De JORGE MAGRINHO a 17 de Abril de 2008 às 16:01
GIL tu ainda perdes tempo com esta escumalha que ate tem vergonha do nome que tem e devem ter nojo são uns covardes e tem muita inveja de ti............e pensão que são importantes e só merdas GILnao ligues a ameaças do eldorado covarde


De el dourado a 17 de Abril de 2008 às 00:29
como pode uma pessoa dar-se taõ bem com o sr. presidente da camara há uns anos atras,quando ganhou as eleições e agora dizer tao mal dele.que sera que o revolta tanto sr.gil?ficamos por aqui,acho que já o deixo a pensar um pouco.cuidado com o que diz e com o que faz.....


De carlosgil a 17 de Abril de 2008 às 11:58
E mais tenho para lhe dizer. As ameaças que me faz em comentário que não coloquei já está entregue ás autoridades, para que seja identificado o computador cujo IP de ligação é 82.154.145.237. Tal como também já está remetido para as mesmas o Blog Apocalipse e não só.
Gil


De carlosgil a 17 de Abril de 2008 às 12:11
E quer saber mais uma coisa? Vou descer ao seu nivel e dizer-lhe... Vá á........... com a politica.
Gil


De el dourado a 17 de Abril de 2008 às 00:26
cuidado ao andar na rua,pode cair e aleijar-se.....


De carlosgil a 17 de Abril de 2008 às 13:46
Mais um recado para o el dourado:
el dourado:
Agora Chamas-te el dourado?
Esta é a tua forma de estar na vida? Ameaçar? Pois ficas a saber que ameaças também dão processos em tribunal. Pois olha que mascarado ou não , o teu IP, está identificado. Mais te digo, não precisas de pesquisar na pagina SAPO por ( carlos gil alentejo) para entrar neste blog. Dou-te o endereço correcto para que entres e continues a ameaçar até que alguém ou a policia te bata á porta . Covarde que nem o nome pões. Mas ponho eu o teu nome aqui neste blog para que todos saibam a bela coisa que és, covarde. ( http://souselalentejo.blogs.sapo.pt )
Gil


De carlosgil a 17 de Abril de 2008 às 14:45
Se cair e aleijar-me sabe o que faço se eu poder? Chamo uma ambulância e depois pago quase 50 €. Sim porque eu pago pois não tenho direito ao transporte como os utentes do SNS. Sabia? Só espero é que depois não venham dizer em praça publica, quebrando o dever de sigilo, que fizeram um excelente trabalho e que não olham a quem para fazer o bem. Não tiro o mérito mas PAGO. PRECEBEU BEM? PAGO, porque a lei a isso me obriga .Mais uma vez ...ENTENDEU?
Gil


De JORGE MAGRINHO a 17 de Abril de 2008 às 16:06
nogento tens medo de meter o teu nome covarde tu e que podes cair I.P. DE COVARDE 82.154.145.237


De Ana Gil a 19 de Março de 2008 às 22:49
Vou escrever sobre uma Grande Mulher que já não se encontra entre nós, MADRE TERESA DE CALCUTÁ, Ela sim, foi uma Mulher como não houve outra igual, dedicou toda a sua vida a ajudar os pobres, os mais carenciados, sobretudos aqueles vitimas de uma doença chamada Lepra, Ela entregou-se de Alma e Coração por uma Causa justa e nobre, viveu como os pobres, nunca teve riquezas, lutou até ao fim dos seus dias para que todos tivessem direito a uma Vida com dignidade, para mim foi sem dúvida uma grande Mulher do Sec . XX, sempre procurou consolar os mais desconsolados, nunca teve bens materiais, até o Prémio Nobel que lhe foi atribuído foi para a sua causa, e não em beneficio próprio, pessoas como Madre Teresa de Calcutá são incomparáveis e insubstituíveis , estejas onde estiveres sei que continuas a olhar pelos mais desfavorecidos.


De Maria José Ludovino a 17 de Março de 2008 às 01:08
Simplesmente escrever… Pois é Gil, eu também adoro simplesmente escrever… E escrevo o que me vai pela alma…
Ao ler a tua “crónica” com o título de Desabafos, veio à minha cabeça tantas coisas, que vai ser difícil transcrever a enormidade de pensamentos que me ocorreram…
E é verdade a vida passa por nós, como a areia que escorrega por entre os dedos: rapidamente!
Acho que não tens tempo de respirar!
Olho para trás e acho que nada fiz, nada tenho… Mas aprendi com a maturidade a aceitar cada dia e os porquês de tudo o que nos acontece!
Tenho um lema: tudo na vida tem um porquê e mesmo que na altura, não saibamos, o porquê daquele momento, ou o porquê de nos ter acontecido algo, um dia, sem estarmos à espera, vamos compreender esse “porquê” e porque nos apareceu para o ultrapassarmos…
Eu vivo a vida sem pensar muito no futuro, queria ser feliz, quem não quer?
Mas vou sendo, com as pequenas coisas, com a simplicidade da vida!
Quando está sol, quando oiço os pássaros a cantar, quando olho para o meu cão, a dormir feito anjinho, quando posso ajudar algum abandonado na rua, com uma festa e a algum comer…
E quando desço até à praia e vejo as ondas do mar, revoltas, dá-me muita força!
Sinto os seus picos d’água no meu rosto e rejuvenesço…
Às vezes tenho saudade do tempo em que eu era criança e ia passar as férias grandes da escola à casa da minha avó e lembro-me do carinho, que esta me dava! Ensinou-me muito e devo-lhe muitos dos ensinamentos… Na altura, não os compreendia, acho que reagia como todos os miúdos, muitos deles, faziam com que a achasse “chata”, mas agora, descobri que a minha avozinha tinha com ela a sabedoria da vida e dou comigo a fazer muitas coisas como ela fazia e até a ter os mesmos pensamentos!
Sinal, se calhar, que também já tenho alguma sabedoria de vida e posso vir a ser um pouco como ela: fico feliz por isso, pois tenho um grande orgulho na minha avó, pois foi uma grande mulher!
Gostava de ter filhos, um dia, para lhes poder passar alguns dos ensinamentos que ela me deu e também para que os meus pais, pudessem passar essa sabedora e se alegrassem com a presença de uma criança a correr de um lado para o outro!
E agora acho que já chega, este desabafo vai parecer lamechas e em sentido!
Espero, Gil que continues com o teu blog e desejo-te toda a sorte do mundo!
Um abraço
Maria José Ludovino


De Gil a 17 de Março de 2008 às 19:32
Cara amiga: Permita-me que a trate assim, muito embora não a conheça sei que já temos duas coisas em comum. A amizade de um amigo, e o gostar de escrever. Gosto da sua intensa participação. Se desejar colocar algo em post, conte sempre comigo para o fazer. Já tem o meu e-mail…basta escrever. Agradeço-lhe de coração a sua contribuição neste Blog.
Carlos Gil


De Maria José Ludovino a 17 de Março de 2008 às 20:49
Fico contente por ter gostado!
Tenho alguns sites onde escrevo regularmente e faço da escrita a minha vida!
Agradeço o convite para enviar trabalhos, para depois os colocares no teu blog!
Quanto ao amigo em comum, ele é muito especial e cada vez mais!
Um abraço
Maria José Ludovino - Lisboa


De Anónimo a 16 de Março de 2008 às 17:55
Dantes tambem os pais tinham mais tempo para os filhos. Agora não. A verdade é essa.


De carlosgil a 16 de Março de 2008 às 23:41
Perdoe-me mas, não concordo pois dantes os pais trabalhavam mais. Trabalhando mais, tinham menos tempo para os filhos. Penso que hoje, nós queremos dar tudo o que podemos aos nossos filhos e estamos a cair em erro, pois eles, ao saberem que alguém lhes dá sem qualquer custo, um dia que tenham que lutar para ter esse algo que hoje lhes é dado, não sei se estarão preparados para tal. É a minha opinião.
Gil


De Maria a 16 de Março de 2008 às 16:05
O que dantes era demais é agora de menos. Também penso sobre isto e acho que damos demais aos filhos. Não os repreendemos como deviamos. Até achamos graça ás asneiras. Que será dos nossos filhos no amanhã? será que estamos a dar uma educação certa?tambem nao sei Gil mas, é um assunto que dá muito que falar.
Maria


De Gil a 15 de Março de 2008 às 20:49
caro amigo Mota:
Houve um dia alguém que disse que nós eramos uma geração rasca. Gostaria de ver essa pessoa agora no Governo, para defenir, esta nova geração....Sei que me entendes...
Gil


De Mota a 15 de Março de 2008 às 20:34
muito bem assim e que é força ai conpanheiro

mota


De Inteligente e esperto a 15 de Março de 2008 às 20:31
Só posso dizer uma coisa. Realmente és uma pessoa inteligente. Gostei daquela parte da solidariedade, educação, amizade, compreensão e ajuda ao próximo. Ai disseste tudo daquilo que já não queres falar. Parabéns Gil, as tuas palavras valem mais que as acções.
Inteligente e esperto


Comentar post

O souselalentejo agradece a todos aqueles que nos visitam diariamente e que queiram fazer deste uma fonte de informação, divulgação e opinião. Mais uma vez se informa que este blog é gratuito, e não tem como finalidade qualquer factor de ordem lucrativa. CONTACTOS: souselalentejo@sapo.pt TRADUZA ESTA PÁGINA PARA INGLÊS/IT TRANSLATES THIS BLOG FOR ENGLISH/TRADUISE CELUI-CI BLOG POUR ANGLAIS juegos gratis

Pesquisar neste blog

 

ARQUIVOS

POSTS RECENTES

eis......

DESABAFOS

Nova escola em Sousel

LÁ VEM LUZ, LÁ VAI LUZ......

INJUSTIÇAS

PARTILHO.MAS................

despesismo sem justificaç...

Eleições Legislativas.

água e residuos

JURO QUE NÃO CONSIGO ENTE...

SILÊNCIOOOOOOOOOOOOOOO

psd

bombreiros do dinheiro???...

ninguém entende

estradas de portugal........

euro

Postais do Duarte

NR team

“Despoliticamente falando...

PISCINAS MUNICIPAIS DE SO...

Contestação

souselalentejo

souselalentejo ( A maldiç...

souselalentejo)( Afinal s...

EIS UMA QUESTÃO DE JUSTIÇ...

souselalentejo( reflexão ...

souselalentejo ( Pensamen...

souselalentejo( mais fest...

souselalentejo (Granada o...

souselalentejo>( Eusebio/...

souselalentejo ( Ano novo...

não passou no Tribunal Co...

sousel... ( apelo a alime...

souselalentejo ( desacord...

pois..............Natal.....

A vida é ingrata e injust...

Passe Escolar/ pedido de ...

Culpabilização? e/ ou des...

desabafos politicos

desabafos

facebook/vcs/ blog

souselalentejo / vs/ carl...

Escolaridade minima obrig...

OPINIÃO PESSOAL E DECISÃO...

para o Sr...........Antón...

Sousel..........passe esc...

RTP/ VS/ EDP

Saiba o que muda na sua v...

Portugueses de 1º de 2ª e...

EXTINÇÕES??? OU INTERESSE...

Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


LINKS

Blog Protegido

EUROMILHÕES

Gil Souselalentejo Sousel

Cria o teu cartão de visita
http://profile.imeem.com/uepcVJ/playlist/_uCmDtBY/

blog protegido