Sexta-feira, 11 de Novembro de 2011

souselalentejo ( ironias ) Viva Portugal...

Tradução do
discurso de Passos Coelho ontem

Fechem-se em  casa.
Se tiverem a sorte de ter uma casa ou de conseguir pagar a renda de uma  casa que nunca vai ser vossa. Não se mexam para não gastarem energias que  podem vir a precisar depois para trabalhar. Quanto mais se mexerem mais fome  terão e sede. Evitem comer e beber, principalmente beber, porque vamos aumentar  os impostos até sobre as bebedeiras. Nunca vão comer a restaurantes, nunca saiam  para se divertir, nunca mas nunca vão de férias.
Saiam de casa apenas e só  para ir trabalhar (de preferência vão a pé), sejam produtivos apesar de
completamente desmotivados, esforcem-se por agradar aos patrões para não serem  despedidos, ainda que vos peçam coisas que nada têm a ver com as vossas funções,  ainda que vos maltratem, ainda que vos obriguem a trabalhar horas extra sem  receber nada por isso, ainda que sejam explorados e estejam a recibos verdes  (com patrão), ainda que sejam licenciados e estejam a receber o mesmo que um  trabalhador sem formação, ainda que vos batam com um pau. Aceitem tudo para  não serem despedidos porque se vocês não quiserem há mais 100 ou 200 escravos
prontos para fazerem o mesmo que vocês ou ainda mais por menos ordenado.
E os  subsídios de desemprego... já se sabe, vão ser menores e por menos tempo...  ninguém quer ir para o desemprego só porque não aceitou limpar os sapatos ao  patrão com a língua, pois não? Portem-se com juízo, sejam cordeirinhos, aceitem  tudo.
Não comprem música, arte, não vão a museus, não visitem exposições, não  comprem livros, não vão passear pelo campo: tudo isso são gastos desnecessários,  ninguém morre por não ter acesso à cultura. Não comprem prendas de Natal, nem  de aniversário, nem de nada. Toda a agente vai perceber porque eles próprios  também não têm dinheiro para as comprar.
Não mimem os vossos filhos com um  doce sequer, porque depois vão ter de ir ao dentista com eles e isso, já se  sabe, vai-vos ficar caro. Aliás, estamos todos proibidos de adoecer, de
engravidar, de partir uma perna ou espirrar sequer. O Estado não tem orçamento  para baixas médicas, subsídios de maternidade e ainda suportar as despesas de  saúde das pessoas que decidiram que tinham de nascer em Portugal. Que azar  termos nascido em Portugal, daqui para a frente não devia de nascer mais ninguém  em Portugal!
Ouviram casais jovens que pensam em ter filhos? Esqueçam isso,  só vos vão dar mais despesas e preocupações... e se são daqueles que fumam  (mais) por terem preocupações, esqueçam isso também: o imposto sobre o tabaco  (que dá lucro ao Estado, mesmo depois de pagar todas as despesas com a saúde dos  fumadores) também vai aumentar e quando virem o preço vão perceber porque é nos  maços está a avisar que "fumar pode aumentar o risco de ataques  cardíacos".
Finalmente se já forem velhinhos, se trabalharam toda a vida para  sustentar este ser virtual e egocêntrico que se chama Estado, que tudo vos pede  e nada vos dá, se a única alegria que têm na vida é ir nas excursões do turismo  sénior (esqueçam, esqueçam o turismo sénior...) ou dar uma notita aos vossos  netos no Natal para ver um sorriso a nascer de quem nasceu de vós, dêm graças ao  Alzeimer porque só ele vos pode ajudar a esquecer a merda de país em que  "escolhemos" nascer.
Até sempre.


PUBLICADO POR: carlosgil às 20:03
LINK DO POST | COMENTAR | Adicionar aos favoritos
6 comentários:
De vencerei a 14 de Novembro de 2011 às 16:48
Gil. essa do não usar o nome quero relembrar-te que muita gente, fez história escritores e estadistas, a usarem pseudónimos , muitos ainda hoje são muito mais conhecidos pelos pseudónimos que pelo nome próprio, por exemplo o Dr Alvaro Cunhal, por ser contra o regime utilizou vários. Mas em relação às ironias, a mim faz-me impressão como é que se fala tanto em crise, quando cada vez mais vejo as pessoas a gastarem desmesuradamente , aqui não se nota muito, mas muito sinceramente gostava que fosses comigo á grande Lisboa ver a crise nesta época Natalícia Pode haver uma faixa que vivem mesmo mal e que recorrem a instituições, mas mesmo esses muitos deles vivem mal porque ajudam os filhos e os netos. Para estes terem boas vidas. Sinceramente a mim faz-me impressão onde é que as pessoas vão buscar o dinheiro, mas a verdade é que ele aparece. Filas intermináveis de automóveis, São centros comerciais, hipermercados á cunha, não há lugar para estacionar, e não é só a ver, são pessoas carregadas de sacos de compras, tudo do bom e do melhor, filas para fazerem embrulhos, hoje em vez de se darem afectos, oferecem-se bens materiais, brinquedos aos montes, uma criança com 6/7 anos com telemóvel topo de gama ,,computadores, jogos de computador, roupas de marca. cada vez mais está a proliferar a compra de comida pronta a comer, não se faz nem uma simples salada, compra-se já pronta, toma-se o pequeno almoço fora, já não falo no almoço porque muita gente está deslocado e nesse caso é justificável, quem ainda cozinha chegou ao cumulo de no talho ou na peixaria, quererem que venha já tudo arranjado e cortado , parece que não têm facas em casa, lavar roupa já pouco, costurar muito menos, vem uma feira uma festa, agora a de Todos-os .santos em Borba ou a da castanha em Marvão, ou a do Cavalo na Golegã, são os organizadores a dizerem que não notam decréscimo de visitantes antes pelo contrário, então onde é que está a crise? fala-se muito dela muito na televisão, só que não a mostram. é isto que eles deviam mostrar. E continuam a fazer greve quem ganha muito, os militares os funcionários públicos , o que me dá mais graça são pessoas como o Sr Coronel Vasco Lourenço, ou Otelo Saraiva de Carvalho a ganharem balúrdios , não sei quanto mas o vencimento de Coronel, com as comissões de serviço do ultramar, mais o desempenho que tiveram a sequir ao 25 de Abril, não deve ser pouco, e pelos bons préstimos à Nação sem darem nada aos pobres, e ainda a falarem em revolução. Tenho dito


De vencerei a 14 de Novembro de 2011 às 10:18
À grande Joaquim Gil, assim é que é falar de mansinho como não quer a coisa disse quase tudo , podia ainda dizer mais, vocês de semelhantes mesmo só o nome, este Carlos Gil é muito bom rapaz mas nisto, nem é falar em politica, mas de ver a realidade, anda um bocadinho cego!


De carlosgil a 14 de Novembro de 2011 às 10:51
são opiniões caro amigo. V. Exa tem razão numa coisa. Isto não é falar de politica porque de politica nada entendo, apenas é e sim apenas falar. Mas sempre com a minha devida assinatura.
Carlos Gil


De Joaquim Gil a 12 de Novembro de 2011 às 09:20
Caro Gil, o texto está bem elaborado, fazendo uma reserva a alguns exageros, o seu sentido global encaixa perfeitamente no sentir dos cidadãos, a minha opinião, não sendo muito divergente, sintetizaria da forma seguinte: Sou do tempo da "outra senhora" quando o Estado era rico e a população miserável, após o 25 de Abril, a situação, foi-se, progressivamente invertendo, temos hoje um país pobre de cidadãos ricos, genéricamente, como é lógico, ficarão alguns escandalizados com o que digo, mas repare, hoje é normal cada família possuir dois carros ou mais, temos televisão em todas as casas, não há electrodoméstico que falte em qualquer casa, tornou-se "obrigação" fazer férias no estrangeiro, a única diferença que temos dos chamados ricos, é termos de trabalhar, é evidente que nós merecemos tudo isto e muito mais, mas será que produzimos o suficiente para tudo isto? e não falo só da classe média e média baixa, na classe dominante, incluindo governantes, tudo o que denunciei, foi inflacionado de forma, escandalosamente superior, pelo que, por muito que nos custe, tem de haver um travão, só que a todos os níveis!!


De carlosgil a 14 de Novembro de 2011 às 10:52
Caro amigo:
É verdade e se reparar bem no titulo deste post, ele é explicito:
IRONIAS.

ABRAÇO


De euzinha a 12 de Novembro de 2011 às 00:14
escolhemos nascer neste país, mas podemos escolher viver noutro país...
vamos todos mudar de país, e portugal passa a ser o deserto do sarah 2!!!!


Comentar post

O souselalentejo agradece a todos aqueles que nos visitam diariamente e que queiram fazer deste uma fonte de informação, divulgação e opinião. Mais uma vez se informa que este blog é gratuito, e não tem como finalidade qualquer factor de ordem lucrativa. CONTACTOS: souselalentejo@sapo.pt TRADUZA ESTA PÁGINA PARA INGLÊS/IT TRANSLATES THIS BLOG FOR ENGLISH/TRADUISE CELUI-CI BLOG POUR ANGLAIS juegos gratis

Pesquisar neste blog

 

ARQUIVOS

POSTS RECENTES

eis......

DESABAFOS

Nova escola em Sousel

LÁ VEM LUZ, LÁ VAI LUZ......

INJUSTIÇAS

PARTILHO.MAS................

despesismo sem justificaç...

Eleições Legislativas.

água e residuos

JURO QUE NÃO CONSIGO ENTE...

SILÊNCIOOOOOOOOOOOOOOO

psd

bombreiros do dinheiro???...

ninguém entende

estradas de portugal........

euro

Postais do Duarte

NR team

“Despoliticamente falando...

PISCINAS MUNICIPAIS DE SO...

Contestação

souselalentejo

souselalentejo ( A maldiç...

souselalentejo)( Afinal s...

EIS UMA QUESTÃO DE JUSTIÇ...

souselalentejo( reflexão ...

souselalentejo ( Pensamen...

souselalentejo( mais fest...

souselalentejo (Granada o...

souselalentejo>( Eusebio/...

souselalentejo ( Ano novo...

não passou no Tribunal Co...

sousel... ( apelo a alime...

souselalentejo ( desacord...

pois..............Natal.....

A vida é ingrata e injust...

Passe Escolar/ pedido de ...

Culpabilização? e/ ou des...

desabafos politicos

desabafos

facebook/vcs/ blog

souselalentejo / vs/ carl...

Escolaridade minima obrig...

OPINIÃO PESSOAL E DECISÃO...

para o Sr...........Antón...

Sousel..........passe esc...

RTP/ VS/ EDP

Saiba o que muda na sua v...

Portugueses de 1º de 2ª e...

EXTINÇÕES??? OU INTERESSE...

Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


LINKS

Blog Protegido

EUROMILHÕES

Gil Souselalentejo Sousel

Cria o teu cartão de visita
http://profile.imeem.com/uepcVJ/playlist/_uCmDtBY/

blog protegido